bolinha Notícia

Neo Química Arena: nova parceira do Corinthians está ligada a crimes de corrupção e lavagem de dinheiro

Neo Química Arena: nova parceira do Corinthians está ligada a crimes de corrupção e lavagem de dinheiro

Horário Publicado 01/09/2020

A Hypera Pharma, dona da marca Neo Química, que fechou contrato com o Corinthians pelo naming rights de seu estádio, foi denunciada pelo Ministério Público Federal no início do ano por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

O fundador da empresa, João Alves Queiroz Filho, e outros três executivos da Hypera Pharma, foram acusados de integrarem um esquema no Congresso Nacional com objetivo de obter vantagens indevidas para a empresa.

Em maio deste ano, a Hypera confirmou a existência de pagamentos indevidos realizados pela companhia. A apuração foi realizada pelo Comitê Especial Independente, constituído em 2018, depois que a Polícia Federal deflagrou a operação Tira-Teima para investigar executivos acusados de pagarem propina a políticos do MDB e do PSDB.

João Alves de Queiroz Filho, que além de fundador é o principal acionista da Hypera, fechou um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal recentemente. Na oportunidade, ele confessou o pagamento de propinas a diversos políticos e aceitou pagar uma multa de aproximadamente R$ 1 bilhão.  

 

bolinha Últimas Notícias